Edilidade da Boa Vista analisa com parceiros italianos forma de melhorar os cuidados de saúde na ilha

Presidente

Edilidade da Boa Vista analisa com parceiros italianos forma de melhorar os cuidados de saúde na ilha

O presidente da Câmara Municipal da Boa Vista, Jose Luís Santos esteve de visita à Itália, para analisar formas e possibilidade de criação de melhores condições para prestação de cuidados de saúde à população da ilha. 

Em conferência de imprensa hoje,05, em Sal Rei, o edil disse que a visita que decorreu entre 22 e 29 de Março, aconteceu no âmbito do protocolo assinado entre a Câmara Municipal da Boa Vista, o Ministério da Saúde e a Associação Novanta, da Itália, em finais de Novembro de 2016.

“Durante a visita, estiveram no centro das preocupações, a criação de melhores condições para prestação de cuidados de saúde no município da Boa Vista”, explicou, indicando que foi analisada a possibilidade da construção de um hospital público-privado ou de um hospital exclusivamente privado e devidamente equipado, para melhor servir a população e aos turistas.

Tendo em conta este propósito, o autarca e a sua delegação, integrada pelo ministro da Saúde, Arlindo Rosário, o presidente do Conselho de Administração da Sociedade de Desenvolvimento Turístico das Ilhas de Boa Vista e Maio, Avelino Bonifácio, e o vereador Aristides Brito, efectuaram contactos com várias personalidades e instituições, tendo ficado a promessa de se continuar o diálogo.

Segundo José Luís Santos, a deslocação periódica à ilha de médicos voluntários especializados nas mais diversas áreas da saúde, contemplada no referido protocolo, vai começar a ser materializada brevemente.

Por outro lado, o autarca revelou que a Associação Novanta já está a encaminhar para a ilha um “importante donativo”, incluindo uma ambulância, um desfibrilador e outros equipamentos “que em muito vão contribuir para a melhoria das condições atuais de prestação de cuidados de saúde na ilha da Boa Vista”.

José Luís Santos encontrou-se também com o seu homólogo de Bolonha, com quem estudou formas de cooperação/geminação, visitou instituições e entidades ligadas à saúde, ensino e turismo daquela cidade italiana, tendo estado ainda no município de Zocca, com o qual a edilidade boavistense está geminada.

Ainda em Zocca, a comitiva foi recebida na escola agrária de Spallanzani, que também tem um memorando de entendimento com o município de Boa Vista, para juntos estudarem a possibilidade de receberem formandos da Boa Vista.

O edil da Boa Vista visitou também nesta deslocação ao exterior, a República San Marino e encontrou-se com os secretários das Relações Exteriores e do Turismo, com vista a conhecer as suas potencialidades turísticas, económicas e estudar, conjuntamente, possíveis formas de cooperação futura.

“Na República San Marino, onde, à semelhança da Boa Vista e de Cabo Verde o turismo é a principal alavanca de crescimento, apresentamos a ilha e o arquipélago como destinos de investimentos, tendo as autoridades manifestado grande interesse em visitar e conhecer a nossa ilha no sentido de estudar possíveis oportunidades de negócios”, indicou o autarca.